agreste

Em Bezerros, operação prende suspeitos pela morte de advogada

Do NE10
Do NE10
Publicado em 23/01/2014 às 7:53
NOTÍCIA
Leitura:

Atualizada às 12h27

A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, na madrugada desta quinta-feira (23), a Operação Themis no município de Bezerros, no Agreste de Pernambuco. A ação resultou na prisão de três homens suspeitos pela morte da advogada Severina Natalícia da Silva, 44 anos, que havia desaparecido no início de dezembro do ano passado.

Foram cumpridos, de acordo com informações da polícia, três mandados de prisão preventiva e outros seis de busca e apreensão, todos expedidos pela Vara Criminal da Comarca de Bezerros. Cinquenta policiais civis participaram da ação.

LEIA MAIS:
» OAB Pernambuco cobra agilidade nas investigações sobre desaparecimento de advogada
» Corpo carbonizado é de advogada, afirma OAB

Uma coletiva de imprensa foi realizada na manhã desta quinta-feira, no Núcleo Integrado de Segurança, em Bezerros. Na oportunidade, o delegado Salustiano Albuquerque esclareceu sobre as ações da operação. A apresentação dos suspeitos vai ocorrer em uma nova coletiva marcada para às 09h30 desta sexta-feira (24) no auditório da sede da Polícia Civil de Pernambuco, no Recife.

O CASO – Severina Natalícia, que além de advogar também atuava como professora na Escola Estadual Nicanor Souto Maior, em Caruaru, havia desaparecido desde o dia 5 de dezembro do ano passado, em Bezerros.

O corpo dela foi encontrado carbonizado dentro de um carro no início deste mês em Água Preta, na Zona da Mata. Severina foi enterrada no último dia 6, em um cemitério no distrito de Encruzilhada de São João, em Bezerros, localidade onde ela morava.

Mais Lidas