agreste

No Agreste, pai de árbitro é morto após filho expulsar jogador em partida de futebol

Do NE10
Do NE10
Publicado em 10/03/2014 às 9:17
NOTÍCIA
Leitura:

Um homicídio chocou a população de Canhotinho, no Agreste do Estado, na tarde desse domingo (9). O pai de um árbitro de um jogo de futebol amador, um idoso de 62 anos, foi assassinado a tiros e a golpes de foice devido ao filho ter expulsado um dos jogadores da partida.

Segundo informações da polícia, os irmãos Antônio Gomes, 35 anos, e Pedro Gomes, 26, jogavam na partida, disputada no povoado Tupy. Um deles foi expulso do jogo e ficou insatisfeito com a decisão do árbitro.

Minutos depois, o suspeito retornou ao campo onde ocorria a partida e, juntamente com o irmão, iniciou uma discussão com o árbitro. Na tentativa de cessar a briga, o pai do juiz do jogo, que estava no local, interveio na confusão e foi atingido com vários disparos de arma de fogo e golpes de foice.

A vítima, José Caetano da Silva, ainda foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu após dar entrada no hospital local. Já os suspeitos fugiram e não foram localizados até a manhã desta segunda-feira (10). O caso é investigado pela Polícia Civil.

Mais Lidas