Coleta

Sistema vai gerenciar risco de desastres naturais em cidades do interior de Pernambuco

Do NE10
Do NE10
Publicado em 10/04/2014 às 19:50
NOTÍCIA
Leitura:

O estado de Pernambuco vai receber 79 estações do Projeto Sistema de Previsão de Risco de Colapso de Safras no Semiárido.A estações implantadas no interior para promoverem a coleta de dados do Semiárido brasileiro que serão utilizados por institutos como o Agronômico de Pernambuco (IPA), para a realização de pesquisas. 

Uma reunião foi realizada nesta quinta-feira (10) e reuniu o diretor de Extensão Rural, Francisco Lopes, o gerente de Pesquisa, Geraldo Majella, o consultor do Centro Nacional de Monitoramento eAlerta de Desastres Naturais (Cemaden), Claudio Pontes, e o gerente de Meteorologiae Mudanças Climáticas da APAC, Patrice Oliveira, para fechar os acordos sobre a implantação do projeto em Pernambuco.

Cidades do interior, que ainda serão escolhidas, vão ser visitadas por pesquisadores que vão definir os locais que podem receber os coletores de dados. " Nestes pontos de coletas que serão implantados serão medidos a temperatura, condições climáticas, volume de chuvas. Estes dados vão ser importantes para o estudo destes terrenos e nas safras agrícolas   ", explicou Geraldo Magella, gerente de Pesquisa do IPA. 

Em todo o Semiárido brasileiro, serão implantados 650 estações. Os equipamentos integrarão a rede de coletas de dados já existente no estado e a transmissão será automática, via telefonia móvel, para o Cemaden, órgão que vai indicar os locais para instalação das estações.


Mais Lidas