prevenção

Criadores de gado de Riacho das Almas devem vacinar rebanhos contra a febre aftosa

Do NE10 Interior
Do NE10 Interior
Publicado em 29/04/2014 às 11:06
NOTÍCIA
Leitura:

Em Riacho das Almas, no Agreste de Pernambuco, a Secretaria Municipal de Agricultura em parceria com a Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) está convocando os criadores de gado do município para a vacinação contra a febre aftosa. A campanha ocorre entre os dias 1º e 31 de maio.

A meta é imunizar 95% do rebanho do município, que atualmente é de 8.200 cabeças de gado, distribuídas nas 430 propriedades rurais da cidade. As doses devem ser compradas pelos produtores, e aplicadas sob supervisão da Adagro.

Depois que o produtor realizar a aplicação da vacina, é importante que ele leve o comprovante de compra das doses à Secretaria de Agricultura para provar que o gado está imunizado. O produtor que não comprovar a aplicação da vacina contra a aftosa no período da campanha pode receber uma multa que varia entre R$ 60 e R$240 por propriedade:

“É extremamente importante que o produtor que vacinar o rebanho traga o comprovante da compra da vacina para não ser multado, porque ainda que ele vacine o gado, se não der baixa junto à Secretaria de Agricultura, ele fica irregular e pode sofrer esta punição”, explicou o técnico agrícola da Adagro Dijaime Ferreira.

A aftosa é uma doença altamente contagiosa, que causa febre, ferimentos e falta de apetite nos animais, podendo resultar em morte.

BRUCELOSE – Também durante a campanha da aftosa, a Secretaria Municipal de Agricultura orienta os produtores sobre a imunização contra a brucelose. Precisam receber doses da vacina as bezerras entre três e oito meses de idade. As doses são aplicadas por técnicos da Adagro e cada dose custa R$10. A brucelose pode ser transmitida ao homem, e causar doenças como o câncer.

Mais Lidas