Casario histórico

Incêndio destrói supermercado onde foram gravadas cenas de "A Compadecida"

Núcleo SJCC/Caruaru
Núcleo SJCC/Caruaru
Publicado em 26/07/2014 às 15:07
NOTÍCIA
Leitura:

Fogo teve início por volta das 3h e destruiu o casário que é tombado pela Fundarpe
Foto: Kiko Lima

Um prédio tombado, onde funcionava o supermercado onde foram gravadas cenas de "A Compadecida", filme nacional com roteiro de Ariano Suassuna, gravado em 1969, com Regina Duarte, ficou totalmente destruído após um incêndio. O prédio fica localizado em Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco. Além do prédio, duas motos, computadores e todos os documentos do estabelecimento foram destruídos pelo fogo.


O fogo teve início por volta das 3h, no centro da cidade, e destruiu o casário histórico tombado pela Fundação do Patrimônio Históricio e Artístico de Pernambuco (Fundarpe). De acordo com informações do socorrista Joabh Henrique, apesar das grandes chamas ninguém ficou ferido.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Santa Cruz do Capibaribe foi acionada para atender a ocorrência. Houve muita correria para tentar apagar o fogo e até um caminhão pipa de um morador vizinho do supermercado serviu para controlar o incêndio. A Guarda Civil Municipal também esteve no local para isolar a área e auxiliar o trabalho dos bombeiros.

A hipótese mais conveniente é de que tenha acontecido um curto circuito em algum material elétrico. A perícia é que vai detectar a causa do incêndio, destacou o sargento Damaceno, do Corpo de Bombeiros. A fiação de um poste na mesma rua também pegou fogo e chegou a faltar energia no local. O proprietário do supermercado relatou que o prejuízo pode passar de R$ 250 mil.

O local funcionava há sete meses com o atual dono que é natural de Surubim, também Agreste. Nessa sexta-feira (25), à noite, a empresa tinha recebido uma carga de mercadorias no valor de R$ 20 mil.

CINEMA - O filme "A Compadecida" marca a chegada de Ariano Suassuna ao univero cinematográfico. Com roteiro de George Jonas e estrelado por Regina Duarte e Armando Bógus, o filme tem como base a obra mais famosa do escritor, o Auto da Compadecida.

Mais Lidas