Decisão

STJ nega retorno de vereador Eduardo Cantarelli à Câmara de Caruaru

Núcleo SJCC/Caruaru
Núcleo SJCC/Caruaru
Publicado em 24/04/2015 às 11:49
NOTÍCIA
Leitura:

Parlamentar é investigado por corrupção
Foto: Divulgação/CMVC
O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou nessa quinta-feira (23) o recurso que pedia o retorno do vereador Eduardo Cantarelli (SDD) à Câmara de Vereadores de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O parlamentar está afastado desde a determinação do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) e deve permanecer até ser julgado na IV Vara Criminal de Caruaru. A decisão cabe recurso.

O vereador é investigado junto com outros nove parlamentares por suspeita de corrupção. Os vereadores teriam cobrado propina para aprovar projeto enviado pelo executivo, orçado em R$ 250 milhões.  Os vereadores permanecem afastados e continuam recebendo os salários.

Mais Lidas