Caruaru

Vereadores investigados na Operação Ponto Final II são condenados

Núcleo SJCC/Caruaru
Núcleo SJCC/Caruaru
Publicado em 20/06/2015 às 8:23
NOTÍCIA
Leitura:

A Justiça condenou os cinco vereadores de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, investigados durante a Operação Ponto Final II. Os parlamentares Val das Rendeiras (Pros), Jadiel Nascimento (Pros), Val de Cachoeira Seca (DEM), Evandro Silva (PMDB) e Neto (PMN) foram condenador pelo juiz Francisco de Assis Morais Júnior que definiu as penas que os parlamentares deverão cumprir. A condenação em primeira instância ainda cabe recurso.

De acordo com a setença, os parlamentares foram indiciados por corrupção ativa e passiva no inquérito realizado pela Polícia Civil. Eles teriam participado de um esquema de corrupção para aprovar a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre a auditoria da Controladoria Geral da União (CGU), que tinha por objetivo obter vantagens sobre o poder executivo. Os vereadores Val, Neto e Evandro foram condenados por corrupção ativa. Já os parlamentares Jadiel Nascimento e Val das Rendeiras por corrupção passiva.

 A decisão da Justiça manteve ainda todos os vereadores afastados das funções legislativas e ainda determinou a perda dos mandatos dos cinco. Os vereadores irão recorrer em liberdade.

CONDENAÇÕES -
Evandro Silva (PMDB) 8 anos e meio;
Val de Cachoeira Seca (DEM) 7 anos e nove meses;
Pastor Jadiel Nascimento (Pros) 6 anos e oito meses;
Neto (PMN) 7 anos e nove meses;
Val das Rendeiras 7 anos e quatro meses.

Mais Lidas