Caruaru

Operação da PF prende suspeitos de sonegação fiscal e tráfico de drogas

Núcleo SJCC/Caruaru
Núcleo SJCC/Caruaru
Publicado em 05/08/2015 às 14:31
NOTÍCIA
Leitura:

Chefe da quadrilha foi preso em Garanhuns, diz polícia
Foto: Divulgação/PF.
A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (5) a operação Cavalo Branco, destinada a combater sonegação fiscal, lavagem de dinheiro proveniente do tráfico de drogas e associação para o tráfico e tráfico interestadual de drogas. De acordo com a assessoria de imprensa da PF, as investigações foram iniciadas no ano de 2014 a partir da suspeita de movimentação financeira e posse de bens de valores incompatíveis com as atividades dos suspeitos.

A nota enviada pela polícia afirma que os suspeitos possuíam veículos de luxo, imóveis e empresas de fachada, as quais serviam para ocultar a origem ilícita dos recursos, identificado pelas investigações que eram provenientes do tráfico de drogas, caracterizado pela aquisição de cocaína em São Paulo, transporte e distribuição em Pernambuco.

Os mandados foram cumpridos nas cidades de Garanhuns, Panelas, Canhotinho e Lajedo, no Agreste. Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão domiciliar, um mandado de prisão preventiva e quatro mandados de condução coercitiva.

A ação conta com a participação de 25 policiais federais e a utilização de cães farejadores no intuito tentar encontrar material entorpecente. Em São Paulo estão sendo cumpridos também seis mandados de busca e apreensão, dois mandados de prisão preventiva e quatro mandados de condução coercitiva na capital.

A PF realiza uma coletiva nesta quarta-feira para divulgar os detalhes da operação.

Mais Lidas