Fiscalização

Lavanderia de Toritama é multada por ligação clandestina de água

Núcleo SJCC/Caruaru
Núcleo SJCC/Caruaru
Publicado em 24/09/2015 às 10:54
NOTÍCIA
Leitura:

Companhia usou retroescavadeira para localizar ligações
Foto: Divulgação/Compesa
A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) realizou uma ação de fiscalização, com o apoio da Polícia Militar, em uma lavanderia de Toritama, no Agreste de Pernambuco. O objetivo da ação era verificar denúncias de ligações clandestinas de água, que estariam prejudicando o abastecimento de diversas famílias no bairro Vaca Leiteira.

Com o suporte de uma retroescavadeira, a equipe da Compesa constatou  a existência de duas ligações clandestinas de 32 milímetros e outras duas ligações de 25 milímetros. A lavandeira estava fechada e ninguém foi detido, mas foi feito um Boletim de Ocorrência (BO) na delegacia do município e encaminhadas fotografias das irregularidades para que se junte ao processo.

Além disso, a Compesa deu andamento às medidas administrativas com cobrança de multa referente ao consumo não contabilizado, conforme determina o Regulamento Geral de Fornecimento de Água e Coleta de Esgoto. "Em um momento de grave crise de água, com Jucazinho no volume morto, temos que combater as ligações clandestinas e orientar a população", disse o gerente da Compesa em Toritama, Mário Heitor.

Mais Lidas