Agenda

Paulo Câmara visita Pesqueira e Tacaimbó para inaugurar obras

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 13/11/2015 às 8:42
NOTÍCIA
Leitura:

O governador Paulo Câmara cumpre agenda, nesta sexta-feira (13), em Pesqueira e Tacaimbó, no Agreste de Pernambuco. O chefe do executivo estadual vistoriará e entregará equipamentos públicos, além de autorizar início de novas intervenções.

Às 9h, Paulo Câmara inspecionará as instalações da Escola de Referência em Ensino Médio (Erem) José de Almeida Maciel de Pesqueira. O prédio, que tem capacidade para 1.119 alunos no horário integral, foi ampliado e reformado, com um investimento de R$ 1,6 milhão. Além de requalificar a estrutura já existente, o projeto também incluiu a construção de uma quadra poliesportiva coberta.

Na oportunidade, o governador assina a ordem de fornecimento de pães e bolos para as 1.049 escolas da rede estadual. Os alimentos serão fornecidos pela Cooperativa dos Industriais de Panificação, Confeitaria e Produtos Similares (COOPANCOSI). O investimento será de R$ 20,3 milhões. Os pães e bolos completam o cardápio, atendendo às necessidades nutricionais dos estudantes.

Às 9h30, Paulo Câmara vistoriará o novo posto da Secretaria da Fazenda (Sefaz) no município. Implantado em parceria com a prefeitura, o equipamento atenderá 400 pessoas por mês. Neste prédio, funcionarão as unidades de Arrecadação, facilitando o acesso do contribuinte.

Ainda no prédio da Sefaz, Paulo Câmara autoriza a elaboração do projeto para a implantação do sistema de abastecimento de água, que beneficiará 4,8 mil pessoas das localidades de Mutuca, Roçadinho, Caldeirões I, II e III. O custo estimado é R$ 4 milhões e o prazo de execução do projeto é de 90 dias. Encerrando a agenda no município, o governador concederá entrevista a Geraldo Freire e convidados na Rádio Jornal Pesqueira.

TACAIMBÓ - À tarde, o chefe do Executivo pernambucano fará uma inspeção às obras do sistema de esgotamento sanitário de Tacaimbó, às 15h30. Iniciada no primeiro semestre deste ano, a intervenção recebeu um investimento de R$ 10 milhões. A ação vai beneficiar 14 mil pessoas na região.

Mais Lidas