Operação Hipócrates

Após ser solto pela Justiça, médico suspeito de extorsão é preso de novo

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 23/12/2015 às 10:16
NOTÍCIA
Leitura:

Médico foi preso após novo mandado de prisão
Foto: Reprodução/TV Jornal.
O médico Bartolomeu Mota foi preso novamente na manhã desta quarta-feira (23) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. De acordo com informações do delegado Sérgio Moura, responsável pela Delegacia Seccional, o médico foi localizado na casa que mora no bairro Maurício de Nassau após ter um novo mandado de prisão expedido.

Ainda segundo o delegado, o novo mandado de prisão seria por corrupção passiva. O médico será encaminhado à delegacia regional. Após ser ouvido, ele foi levado para a Penitenciária Juiz Plácido de Souza.

Também nesta quarta-feira (23), o juiz Eliziongerber Freitas revogou as prisões domiciliares dos demais acusados no processo principal da Operação Hipócrates, com base no artigo 318 do Código de Processo Penal.

ENTENDA O médico Bartolomeu Mota havia sido absolvido sumariamente pela Justiça no processo que investiga a extorsão de pacientes no Hospital Regional do Agreste (HRA). A decisão da juíza Orleide Rosélia Nascimento Silva indicava que não há provas que incriminem ele e o médico Ricardo Marinho, presos durante a Operação Hipócrates.

Mais Lidas