Certificado

CPRH dá licença ambiental para aterro sanitário de Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 04/01/2016 às 10:32
NOTÍCIA
Leitura:

Cidade deve implantar coleta seletiva de lixo
Foto: Divulgação/PMC.
A Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) concedeu a licença de operação ao Aterro Sanitário, de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A licença vale também para a nova célula do equipamento, construída pela Prefeitura, em terreno de cinco hectares, para atender ao expressivo crescimento da produção de resíduos sólidos na cidade.

Com a nova situação, Caruaru reconquista as cotas do ICMS-Verde, pagas pelo Governo do Estado aos municípios com aterros sanitários aprovados pela CPRH. A nossa fatia do imposto será maior. A pontuação oficial aumentou porque temos trituradoras de material destinado a produzir adubo orgânico, usado em nossas praças, parques e jardins, observa Emerson Aragão, engenheiro ambiental responsável pelo Aterro Sanitário de Caruaru.

Após a regularização junto à CPRH, e contando com o término das obras físicas da Central de Triagem de Resíduos, o próximo passo será a coleta seletiva do lixo. O serviço será implantado numa ação conjunta da Prefeitura e organizações civis do setor de reciclagem de resíduos. O contato com as entidades já foi feito. Restam detalhes operacionais para que comecemos um projeto-piloto, informa Maurício Silva, Diretor do Departamento de Limpeza Urbana.

Mais Lidas