Após denúncias

MPPE investiga influência de prefeito José Queiroz na Câmara de Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 07/04/2016 às 11:11
NOTÍCIA
Leitura:

Inquérito civil foi instaurado em 2014 após ouvidas de vereadores
Foto: JC Imagem.
O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) está investigando possíveis influências do prefeito José Queiroz nas atividades da Câmara de Vereadores de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O promotor de Justiça Marcus Tieppo está ouvindo vereadores em um inquérito civil instaurado em 2014 pela promotora Bianca Stella.

Segundo o promotor Marcus Tieppo, dois vereadores foram ouvidos nessa quarta-feira (6) e mais três parlamentares devem ser ouvidos nesta quinta-feira (7). O promotor informou ainda que os vereadores foram convidados a prestar os esclarecimentos ao MPPE, ou seja, não são obrigados a ir.

O inquérito está investigando denúncias que foram apuradas durante a ouvida dos vereadores após as prisões na Operação Ponto Final I. Não há previsão para conclusão do inquérito. A assessoria de imprensa da Prefeitura de Caruaru informou que não se pronunciará sobre o assunto.

Mais Lidas