Caruaru

Bebê que estava com casal teria sido raptado em Boa Viagem, diz delegado

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 07/06/2016 às 15:10
NOTÍCIA
Leitura:

Casal foi detido com criança no posto de saúde do Alto do Moura
Foto: Aline Cristina/Arquivo pessoal
O delegado Altemar Mamede informou que a criança encontrada com um casal de moradores de rua no Alto do Moura, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, teria sido raptada de um outro casal de moradores de rua em Boa Viagem, no Recife. De acordo com o delegado, os pais da criança procuraram a delegacia após a divulgação da imagem da criança.

O delegado de Boa Viagem me ligou dizendo que tinha um casal procurando um bebê que foi raptado na semana passada. Eles disseram que um casal teria pego a criança. Agora a gente precisa confirmar se o bebê é a mesma criança, mas eles viram as fotos e dizem ter certeza que seria a filha deles, explica.

Ainda segundo o delegado, o casal que estava com o bebê foi liberado após assinar um Termo de Ocorrência Circunstanciado (TCO). Eles foram autuados por maus tratos, o que não dá prisão em flagrante. Foram liberados para serem processados em liberdade, mas com essa denúncia de rapto a história muda. Vamos esperar a decisão do delegado de Boa Viagem. Ele deve conseguir um mandado de prisão.

ENTENDA - Um casal de andarilhos foi detido com uma bebê desnutrido nessa segunda-feira (6) em Caruaru. De acordo com o delegado Altemar Mamede, que estava de plantão, o casal estava com a menina, que aparenta ter entre 6 e 7 meses, no Posto de Saúde da Família do Alto do Moura. Eles foram detidos por policiais militares.

Ainda segundo o delegado, o casal prestou depoimento e afirmou que teria encontrado a criança em uma caixa de papelão em Boa Viagem, no Recife. Os dois assinaram um Termo de Ocorrência Circunstanciado (TCO) e foram liberados. O bebê foi encaminhado à uma casa de passagem e está sob os cuidados do Conselho Tutelar.

De acordo com a coordenadora do Conselho Tutelar de Caruaru,  Ilana Mota, a criança estava desidratada e suja. Eles dizem que encontram a menina dentro de uma caixa, ao lado de uma caixa de fosfóro e uma garrafa de alcoól na calçada de uma igreja. Eles garantem que não são pais dela. Ela vai ficar na casa de passagem até que a Justiça defina o que será feito. Estamos dando todo cuidado que ela precisa, completa.

Mais Lidas