Caruaru

Sem recursos, Disque-Denúncia Agreste não funcionará mais 24 horas

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 30/06/2016 às 8:19
NOTÍCIA
Leitura:

A partir desta sexta-feira (1º), o Disque-Denúncia Agreste, com sede em Caruaru, passará a funcionar de forma reduzida. O serviço, que antes funcionava 24 horas por dia, passará a receber denúncias apenas durante o horário comercial. A mudança afetará 139 cidades da abrangência do serviço no Agreste.

De acordo com Alexandre César, coordenador do Disque-Denúncia, o Governo do Estado suspendeu o repasse mensal para custeio de folha salarial. Nós vamos demitir 8 funcionários e ficar apenas com 3. Não iremos mais receber denúncias por WhatsApp por falta de pessoal. O fim do repasse vai prejudicar a resolução de crimes. Não podemos informar o valor que o governo está deixando de repassar.

Ainda segundo o coordenador, o Disque-Denúncia irá funcionar de segunda-feira à sexta-feira, das 8h às 18h. A mudança não atinge o site da instituição, que continuará recebendo denúncias 24 horas por dia.

A Secretaria de Defesa Social informou, por meio de nota, que o serviço de delação anônima vem sendo realizado pela Ouvidoria da própria SDS, sendo esta a unidade responsável por receber reclamações, denúncias, sugestões e informações diversas sobre órgãos vinculados a Secretaria, contribuindo para o fortalecimento da cidadania e a melhoria da qualidade dos serviços prestados pelas instituições de segurança pública.

Para denunciar, a população deve ligar para os números (81) 3183-5009 ou (81) 3183-5059. O serviço que funciona de segunda a sexta, das 7h às 19h. A denúncia pode ser feita ainda pelo 190 , que continua ativo 24h, todos os dias.

Mais Lidas