Polícia Civil

Operação apreende R$ 1,9 milhão em mercadorias falsificadas no Agreste

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 12/08/2016 às 13:48
NOTÍCIA
Leitura:

Entre os produtos estavam CDs e DVDs, calçados, camisas, bermudas, bonés, pulseiras e bolsas
Foto: divulgação/Polícia Civil
A Polícia Civil divulgou nesta sexta-feira (12) o balanço final da Operação Agreste Limpo, realizada na região com o objetivo de reprimir crimes relacionados à falsificação. No total, mais de 98 mil produtos foram apreendidos, avaliados em R$ 1,9 milhão. 

Entre os produtos estavam CDs e DVDs, calçados, camisas, bermudas, bonés, pulseiras e bolsas. As apreensões aconteceram de 18 de julho a 8 de agosto deste ano, após dois meses de investigações. As sete fases foram realizadas em cinco cidades do Agreste: Caruaru, Bezerros, Santa Cruz do Capibaribe, Toritama e Gravatá.

A ação resultou em 76 inquéritos por crimes contra a propriedade industrial, fraude no comércio, crime contra a relação de consumo, receptação qualificada e violação de direito autoral, de acordo com a polícia.

Veja a seguir a relação dos materiais apreendidos em cada fase:

1ª fase (18/07) - Caruaru - 11.654 produtos apreendidos;
2ª fase (20/07) - Bezerros - 28.920 produtos apreendidos;
3ª fase (25/07) - Santa Cruz do Capibaribe - 11.425 produtos apreendidos;
4ª fase (27/07) - Caruaru - 7.722 produtos apreendidos;
5ª fase (01/08) - Toritama - 1.900 produtos apreendidos;
6ª fase (04/08) - Gravatá - 26.808 produtos apreendidos;
7ª fase (08/08) - Caruaru - 10.567 produtos apreendidos.

Mais Lidas