Polícia

Briga durante evento político deixa um morto em Belo Jardim

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 17/09/2016 às 22:02
NOTÍCIA
Leitura:

Polícia prendeu três pessoas em Belo Jardim
Um homem foi assassinado com três disparos de arma de fogo em Belo Jardim, no Agreste do Estado, durante motocada realizada pela campanha do prefeito João Mendonça (PSB), candidato à reeleição na cidade.  O crime aconteceu por volta das 17h30 deste sábado (17), após uma discussão entre dois motoqueiros, no bairro Cohab I.  A vítima se chamava Adriano e tinha cerca de 40 anos de idade.

De acordo com a Delegacia de Plantão de Belo Jardim, o homem estava pilotando uma moto e carregando a sua esposa na garupa, quando um outro motoqueiro derrubou a mulher do veículo. Esse incidente ocasionou uma discussão entre eles. 

Conforme o agente de plantão, o boletim de ocorrência ainda não foi registrado, todavia três pessoas foram presas. Segundo uma sobrinha da vítima, o tio chegou a ser levado para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos. "Inclusive, a motocada continuou acontecendo e ninguém fez nada para ajudar", destacou. 

Um dos integrantes da campanha do prefeito João Mendonça, Jadilson Gonçalves garantiu que o incidente não teve nada a ver com a motocada, realizada na cidade todos os sábados. O grupo saiu da Avenida Senador Paulo Guerra, no bairro da Cohab I, por volta das 16h. Segundo ele, quando estavam no bairro de São Pedro, houve a confusão. "Nossa motocada se encerrou por volta das 18h, quando ficamos sabendo o que tinha acontecido", destacou. Os motoqueiros percorreram cerca de quinze quilômetros. 

O vice-candidato a prefeito, Luiz Carlos, informou que tanto ele quanto João Mendonça não estavam no evento. "Hoje, fizemos apenas visitas na zona rural", disse. 

Mais Lidas