Eleições 2016

Empate técnico entre Tony Gel (PMDB) e Raquel Lyra (PSDB) em Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 28/10/2016 às 7:46
NOTÍCIA
Leitura:

Pesquisa mostrou ligeira vantagem de Tony Gel (PMDB) em cima de Raquel Lyra (PSDB)
Foto: Paulo Filho/TV Jornal Caruaru
A segunda pesquisa realizada pela empresa 6 Sigma Pesquisa e Consultoria Estatística, divulgada nesta sexta-feira (28), apontou que Tony Gel (PMDB) tem 42,2% das intenções de voto e Raquel Lyra (PSDB) tem 40,7% das intenções de voto, o que caracteriza empate técnico novamente. Brancos e nulos somaram 5,8%; não souberam foram 9,6%; 0,8% disse que não votará em nenhum dos candidatos e 0,9% não informou. A margem de erro é de 2,95 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%.

A primeira pesquisa do 6 Sigma, divulgada na semana passada, apontou empate técnico e numérico: Tony Gel apareceu com 39,9% das intenções de voto; Raquel Lyra apareceu com 39,6%. Não souberam ou não responderam somaram 12%; 7,1% afirmaram que votariam branco ou nulo e 1,4% disse que não votaria em nenhum dos candidatos.

De acordo com o mestre em Estatística e consultor da 6 Sigma Pedro Coelho, os números mostram que o candidato do PMDB tem ligeira vantagem sob a adversária. "O que os dados estão mostrando é que houve mais acertos da campanha de Tony Gel, nesta última semana. Ele cresceu mais rápido [do que ela]", afirmou.

Ainda segundo Coelho, a massa de indecisos ainda pode migrar para qualquer um dos dois candidatos. "Essa vantagem tanto pode se fazer mais à frente como pode haver uma inversão. Essa massa de indefinidos pode fazer a decisão final", explica.

Na pesquisa divulgada nesta sexta, foram ouvidas 1.100 pessoas de 26 bairros-localidade, na zona urbana e na zona rural, da última segunda-feira (24) até essa quinta (27). O número de registro da pesquisa no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) é PE-01629/2016. O levantamento foi encomendado pela Rádio Jornal Caruaru (AM 1080) em parceria com outras cinco emissoras de rádio da cidade: Caruaru FM, Cultura, Globo FM, Liberdade, Metropolitana FM.

Rejeição

A rejeição também foi avaliada na pesquisa e, quando considerada a margem de erro, não teve alteração. Dos entrevistados, 37,2% disseram que não votariam de maneira nenhuma em Raquel, contra 36% na primeira pesquisa. 39,2% disseram que rejeitam Tony Gel, contra 40,1% na primeira pesquisa. O restante afirmou que não votaria em nenhum dos dois ou não sabe.

Migração de votos

A proporção dos eleitores de Jorge Gomes (PSB) no primeiro turno que migrou para os candidatos do segundo também mudou. Se na primeira pesquisa 76,7%  dos entrevistados afirmaram que votariam em Raquel, 65,6% disseram que votaria nela na segunda pesquisa 6 Sigma. Já em relação a Tony Gel, 3,8% dos eleitores de Jorge disseram na primeira pesquisa que votariam no peemedebista. Na segunda pesquisa, este número subiu para 10,4%.

Na primeira pesquisa, 52,8% dos eleitores do Delegado Lessa (PR) disseram que votariam em Raquel Lyra. O número quase não alterou na segunda, que ficou em 52,5%. Na primeira pesquisa, 16,7% dos eleitores do delegado disseram que votariam em Tony Gel. O número subiu para 20,5% na segunda pesquisa.

Debates

A coleta de dados foi feita durante a última semana de eventos de campanha e debates. A pesquisa 6 Sigma também perguntou aos entrevistados se estes assistiram ou ouviram a algum debate durante o pleito de 2016. Um número de 56,5% afirmou que sim; 43,1% que não e 0,4% não sabe ou não informou. Dos que acompanharam algum debate, 48,9% disseram que o confronto entre os candidatos ajudou na decisão do voto; 49,3% disseram que não e 1,8% não sabe ou não informou.

O 6 Sigma também perguntou a expectativa de vitória sobre os candidatos e a aprovação dos governos do prefeito José Queiroz (PDT), do governador Paulo Câmara (PSB) e do presidente Michel Temer (PMDB). Veja na reportagem do "Povo na TV", da TV Jornal no interior:

Mais Lidas