Fórum

Mulher é presa suspeita de exercício ilegal da advocacia em Bezerros

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 02/12/2016 às 9:15
NOTÍCIA
Leitura:

Suspeita não tinha o registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para poder advogar, de acordo com a polícia
Foto: reprodução/TV Jornal
Uma mulher foi presa em flagrante nessa quinta-feira (1º) suspeita de falsidade ideológica, estelionato e exercício ilegal da profissão em Bezerros, no Agreste de Pernambuco.

De acordo com o delegado Humberto Pimentel, Lilian Manuella Maciel Teixeira, 26 anos, é formada em direito, mas não possui o registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para poder advogar.

A mulher participava de uma audiência pública na 1ª Vara Cívil do Fórum de Bezerros quando foi presa pelos policiais que acompanhavam o réu. Ainda segundo o delegado, já haviam denúncias de que Lilian exercia ilegalmente a profissão.

A suspeita foi autuada em flagrante e levada para a Delegacia de Plantão, onde foi ouvida. Em seguida, foi encaminhada para a Colônia Penal Feminina de Buíque. A audiência pública foi anulada.

Mais Lidas