Caruaru

MPPE apura denúncias de funcionário fantasma e horas extras na Destra

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 08/12/2016 às 10:53
NOTÍCIA
Leitura:

MPPE apura denúncias relacionadas a servidores da Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra)
Foto: divulgação/Destra
O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) instaurou um inquérito civil com o objetivo de apurar denúncias de que servidores da Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra) estariam recebendo horas extras e gratificações sem prestar o devido serviço, além de trabalhar em escalas inferiores ao edital do concurso. Outra denúncia é de que existiria um suposto "funcionário fantasma" na Destra, que estaria recebendo remuneração sem exercer as devidas funções.

Em portaria publicada no dia 3 de dezembro no Diário Oficial do Estado, o promotor de Justiça Marcus Tieppo determina que o diretor da Destra seja oficiado e que em um prazo de 10 dias úteis apresente à promotoria uma lista com os funcionários que receberam horas extras ou gratificações em 2016 e as respectivas folhas de ponto e folhas de ponto de um funcionário lotado na Guarda Municipal Comunitária.

O promotor determina ainda que o funcionário seja intimado a comparecer à promotoria para prestar esclarecimentos. Por meio de nota, a autarquia informou que, até o prazo estabelecido pelo Ministério Público, "todos os questionamentos serão devidamente respondidos".

Mais Lidas