Câmara de Vereadores

Reforma administrativa da Prefeitura de Caruaru é aprovada

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 15/03/2017 às 8:26
NOTÍCIA
Leitura:

Projeto de lei foi aprovado pela Câmara Municipal em sessão na noite dessa terça-feira (14)
Foto: divulgação/Vladimir Barreto/Câmara de Vereadores
O projeto de lei nº 7.331/2017, que trata da reforma administrativa da Prefeitura de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, foi aprovado pela Câmara Municipal em sessão na noite dessa terça-feira (14). De autoria do Executivo, o projeto vai reorganizar a estrutura administrativa do município, através da redução de cargos e outras ações.

Após a aprovação do projeto em 1ª votação, o presidente Lula Tôrres (PDT) convocou uma reunião extraordinária para seguir com a 2ª votação do projeto, na mesma noite. A reforma foi aprovada nas duas votações; apenas o vereador Daniel Finizola (PT) votou contra o projeto. Os outros 22 vereadores votaram a favor. O projeto segue para sanção da prefeita Raquel Lyra (PSDB).

Reforma administrativa

Antes de ser encaminhado para votação, o projeto foi debatido e analisado pelos vereadores em reunião da Comissão de Redação e Legislação de Leis e Comissão de Finanças e Orçamento. O projeto seria votado na sessão da última quinta (9), mas foi retirado da súmula da Ordem do Dia após o vereador Leonardo Chaves (PDT) pedir vistas.

A reforma foi apresentada pela prefeita Raquel Lyra (PSDB) aos vereadores no dia 7 de março. "Vamos trabalhar um novo modelo de gestão, com ações integradas entre as secretarias, por territórios, e com ações participavas e transparentes", disse a prefeita na ocasião, por meio da assessoria de imprensa.

O projeto de lei reduz o número de secretarias, o número de cargos comissionados, entre outras medidas. Com a proposta, a gestão fica permitida a ter 535 cargos comissionados, enquanto antes eram 723. De acordo com a prefeitura, hoje há menos de 200 comissionados em Caruaru.

Mais Lidas