Polícia Federal

Maconha é plantada com mandioca para ocultar pés no Sertão de PE

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 29/03/2017 às 8:16
NOTÍCIA
Leitura:

Plantio de maconha é misturado com mandioca para ocultar a erva
Foto: divulgação/Polícia Federal

A Polícia Federal em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, divulgou nesta quarta-feira (29) o resultado da "Operação Baraúna", deflagrada nas Ilhas do Rio São Francisco, nos municípios de Orocó, Cabrobó e Belém do São Francisco, de 15 a 22 de março deste ano, para identificar e erradicar plantios de maconha. No total, foram apreendidos 362 mil pés de maconha, 97 plantios, 159 mil mudas e duas toneladas da droga pronta para o consumo.

Durante a operação, a Polícia Federal identificou uma nova tática praticada pelos traficantes: plantar maconha misturada com mandioca. Ninguém foi preso. Os plantios foram localizados através de levantamentos feitos pela PF. "O ciclo produtivo da 'cannabis' é acompanhado de perto por policiais federais e quando vai se aproximando o período da colheita, novas ações são realizadas coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercado consumidor", diz nota divulgada pela PF.

Segundo a Polícia Federal, caso os 362 mil pés de maconha fossem colhidos e prensados, daria para se fazer 120 toneladas de maconha. Ainda de acordo com a PF, as operações no Sertão pernambucano têm provocado o aumento da importação de maconha do Paraguai, comprovado pelo aumento de apreensões do entorpecente oriundo daquele país.

Trabalho operacional

Quarenta policiais federais, civis e militares, além do Corpo de Bombeiros de Belém do São Francisco participaram da operação. Os policiais realizaram incursões terrestres, aéreas e fluviais e utilizaram três aeronaves (da Coordenação de Aviação Operacional da Polícia Federal do Distrito Federal e uma da Polícia Civil do Distrito Federal), além de botes infláveis.

 Em duas operações realizadas este ano, a PF erradicou 410 mil pés de maconha (que se transformariam em 160 toneladas), destruiu 100 plantios, 212 mil mudas e incinerou 2.110 quilos de maconha pronta para o consumo.

Mais Lidas