Operação

Suspeitos de matar policial militar em Caruaru são presos

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 02/05/2017 às 8:42
NOTÍCIA
Leitura:

Policial militar foi assassinado no Loteamento Moura Brasil; suspeita é de latrocínio
Foto: reprodução/TV Jornal

Dois suspeitos de matar um cabo da Polícia Militar na semana passada em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, foram presos durante o fim de semana, dentro da Operação "Lisgor Shurot", que significa Cerrar Fileiras.

Um adolescente de 17 anos foi detido, assim como outro suspeito, de 22 anos. Na residência em que o maior de idade foi encontrado, a polícia encontrou uma espingarda calibre .20, com uma munição pinada, que pode ter sido usada para a prática do crime. A arma estava enterrada no quintal da casa.

Os suspeitos foram levados para a Delegacia de Plantão da cidade. O menor de idade ficará em liberdade até a expedição do mandado de busca e apreensão. Já o maior, que era foragido do sistema prisional, foi conduzido à Penitenciária Juiz Plácido de Souza (PJPS), em Caruaru.

O primeiro envolvido no caso - também menor de idade - havia se entregado à polícia na última quinta-feira (27), no município de Quipapá, na Zona da Mata Sul. Em depoimento, ele informou os nomes dos outros dois envolvidos. Ele foi levado à Funase.

Relembre o crime

O cabo da PM, de 48 anos, foi assassinado a tiros durante um assalto no Loteamento Moura Brasil. Ele trafegava de moto com a esposa quando dois homens armados e encapuzados se aproximaram e anunciaram um assalto. Os suspeitos teriam atirado após perceberem que a vítima estava armada. O policial não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Os suspeitos fugiram levando o revólver calibre 38 do policial.

Veja na reportagem do "TV Jornal Meio-Dia", da TV Jornal Interior:

Mais Lidas