Reivindicações

Servidores da Destra paralisam atividades durante São João em Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 20/06/2017 às 9:43
NOTÍCIA
Leitura:

Agentes de trânsito e guardas municipais devem paralisar atividades
Foto: divulgação/Destra

Os servidores da Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra) devem realizar uma paralisação de quinta-feira (22) até o próximo domingo (25) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A notícia preocupa, uma vez que o fim de semana deve ser um dos mais movimentados da Capital do Forró.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Caruaru (Sismuc), Eduardo Mendonça, as reivindicações dos agentes de trânsito e guardas municipais são reajuste salarial, o plano de cargos e carreiras (PCC), entre outros.

Segundo Mendonça, os servidores reclamam de colete balístico vencidos e alegam que sofrem assédio moral dos superiores. A cidade de Caruaru conta com 33 guardas municipais e 52 agentes de trânsito, de acordo com o presidente do Sismuc.

Os servidores da Destra já realizaram uma paralisação nos dias 17 e 18 (sábado e domingo). Nessa segunda-feira (19), realizaram uma assembleia, em que ficou definida a paralisação. Na sexta-feira passada, uma reunião foi realizada com a prefeitura, mas o pedido de reajuste teria sido negado.

Destra contrata orientadores

Por meio de nota, a assessoria de imprensa da Destra informou que o órgão contratou temporariamente pessoas para atuar como orientadores de trânsito com suporte da Polícia Militar e Detran. Segundo a nota, os orientadores "foram devidamente capacitados e equipados com coletes de identificação, capa de chuva, apito e rádio transceptor estando prontos para atuar e solicitar apoio quando necessário". As pessoas serão empregadas nos principais polos de animação.

A Destra informou ainda que uma decisão judicial de urgência, por causa de uma ação impetrada pela Procuradoria Geral do Município, estabelece que no mínimo 50% do efetivo permaneça em atividade de modo a garantir um mínimo de serviço para a população e turistas. A pasta também disse que as categorias tiveram três de seus cinco pleitos atendidos, em reuniões realizadas pela Mesa Permanente de Negociação.

Mais Lidas