Balanço

PE tem mais de 9 mil desalojados e desabrigados, um mês após chuvas

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 28/06/2017 às 15:57
NOTÍCIA
Leitura:

Balanço da Operação Prontidão foi divulgado pelo Governo do Estado
Foto: divulgação/Wagner Ramos/SEI

O Governo de Pernambuco divulgou nesta quarta-feira (28) que o Estado conta com 1.073 desabrigados e 8.204 desalojados, um mês após as fortes chuvas registradas na Zona da Mata Sul e no Agreste. Logo após as precipitações, o número era de 55 mil desabrigados e desalojados. As chuvas deixaram cinco mortos: dois em Caruaru, dois em Lagoa dos Gatos e um em Escada.

Um conjunto de ações realizadas pelo governo dentro da Operação Protidão foi apresentado nesta quarta. Ao todo, foram investidos R$ 22,5 milhões em ações assistenciais para a retomada da normalidade nos municípios atingidos. A força-tarefa continuará em operação até o restabelecimento da normalidade dos municípios em estado de emergência.

Entre os investimentos estão a antecipação da parcela do Chapéu de Palha, antecipação de 50% do 13º dos servidores das 23 cidades mais atingidas, aquisição e distribuição de alimentos e mantimentos, limpeza das cidades e recuperação dos acessos, manutenção do Hospital de Campanha (Rio Formoso), etc.

A União repassou R$ 17,55 milhões para aquisição de alimentos e mantimentos para os municípios. Outros R$ 5,53 milhões foram solicitados pelo Estado para obras de restabelecimento e R$ 25,8 milhões para a aplicação de geomantas nas encostas dos municípios com maior risco de deslizamento de barreiras.

Segundo o governo, até agora foram arrecadados e distribuídos cerca de 285,9 toneladas de cestas básicas + pronto consumo; 211.200 m² de lonas; 14.480 kits dormitórios; 14.483 colchões; 179,7 toneladas de alimentos avulsos; 210.254 litros de água; 9.693 kits de limpeza; 5 mil kits de higiene; 15,8 toneladas de materiais de higiene e limpeza; e 117,7 toneladas de roupas.

Estado de emergência

Os 27 municípios em que foi decretado o estado de emergência são Amaraji, Água Preta, Barra de Guabiraba, Belém de Maria, Catende, Cortês, Jaqueira, Maraial, Palmares, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito do Sul, Barreiros , Gameleira, Caruaru, Ipojuca, Joaquim Nabuco, Jurema, Lagoa dos Gatos, Primavera, Quipapá, Sirinhaém, Tamandaré, Xexéu, São José da Coroa Grande, Bonito e Escada.

Mais Lidas