Abastecimento

Barragem do Cajueiro, que abastece Garanhuns, está vertendo

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 18/07/2017 às 7:44
NOTÍCIA
Leitura:

Barragem do Cajueiro atingiu a capacidade máxima de armazenamento, de 14,5 milhões de metros cúbicos de água
Foto: divulgação/Compesa

Maior reservatório do sistema de abastecimento de Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, a Barragem do Cajueiro está vertendo. O manancial atingiu a capacidade máxima de armazenamento, que é de 14,5 milhões de metros cúbicos de água. A última vez que a barragem sangrou foi no ano de 2015, de acordo com a Compesa. As chuvas regulares que caem na região desde o mês de maio contribuíram para encher o reservatório.

Os outros dois mananciais que alimentam o sistema, as barragens de Inhumas e Mundaú, também apresentaram boa recuperação neste período, atingindo o nível máximo de acumulação. Este volume fez com que a Compesa encerrasse o racionamento de água de Garanhuns no início da semana passada. A Barragem de Inhumas chegou a atingir o nível de colapso no mês de março.

De acordo com a Compesa, as três barragens cheias garantem o fornecimento de água para a cidade até o próximo período chuvoso, em maio de 2018. Além de Garanhuns, o sistema de distribuição de água atende o distrito de São Pedro e as cidades de Angelim e São João.

Mais Lidas