Abastecimento

Compesa anuncia fim do racionamento em Bom Conselho

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 04/08/2017 às 9:16
NOTÍCIA
Leitura:

Chuvas fizeram Barragem do Bálsamo, em Bom Conselho, sangrar
Foto: divulgação/Compesa

As chuvas que caíram no Agreste de Pernambuco nos últimos meses fizeram a Barragem do Bálsamo, em Bom Conselho, sangrar. De acordo com a Companhia Pernambucana de Abastecimento (Compesa), desta forma a cidade tem abastecimento de água garantido até o próximo período de chuvas, em 2018. O volume de água permitiu ainda o fim do racionamento na cidade. Antes, Bom Conselho estava sendo abastecida com o calendário de cinco dias com água e dez dias sem.

A Barragem do Bálsamo é o principal manancial que fornece água para a cidade (60%), atendendo cerca de 30 mil pessoas. O reservatório atingiu a capacidade máxima de acumulação, 19 milhões de metros cúbicos, e está vertendo. A barragem registrou o maior percentual de acúmulo com as chuvas do mês de julho, quando passou de 30% para 100% do nível de armazenamento.

Além do Bálsamo, o sistema de abastecimento de Bom Conselho conta com a contribuição de outros cinco mananciais. As barragens Caboge (153 mil metros cúbicos de água) e Bolandim (112 mil metros cúbicos) também estão vertendo. A Baixa Grande, Mata Verde e Caixa D'Água tiveram os níveis regularizados pelas chuvas. A Barragem de Mata Verde estava em colapso.

Mais Lidas