Mandado de prisão

Mulher é presa suspeita de mandar matar marido em São Caetano

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 25/08/2017 às 7:55
NOTÍCIA
Leitura:

Crime aconteceu no dia 29 de dezembro de 2016
Foto: Reginaldo Souza/Rádio Jornal Caruaru

Uma agricultora de 49 anos foi presa nessa quinta-feira (24) suspeita de participar do assassinato do marido, Paulo João da Silva, 52 anos, no dia 29 de dezembro de 2016, em São Caetano, no Agreste de Pernambuco. Ela foi presa em cumprimento a um mandado de prisão.

À TV Jornal Interior, o delegado José Luzia informou que Paulo saiu de casa com cerca de R$ 4,4 mil para realizar um pagamento no centro da cidade. A esposa dele teria convencido a vítima a ir a pé. Ao sair da residência, Paulo foi abordado por dois homens não identificados, que anunciaram o assalto.

Segundo a Polícia Civil, Paulo teria reagido e foi morto a tiros. O delegado informou ainda que a suspeita teria esquematizado o crime. Ela foi encaminhada ao Presídio Feminino de Buíque. A motivação do crime não foi informada.

Relembre o crime

O pedreiro Paulo João da Silva, 52 anos, foi assassinado no loteamento Carlos Bezerra, em São Caetano, supostamente vítima de latrocínio. De acordo com a polícia, a vítima foi atingida por um tiro na cabeça e morreu no local. O caso segue sob investigação.

Mais Lidas