Vereadores

'Parede de vidro' instalada na Câmara de Caruaru causa polêmica

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 19/10/2017 às 10:11
NOTÍCIA
Leitura:

Objetivo da parede de vidro é garantir a segurança dos vereadores, de acordo com presidente da Casa
Foto: divulgação/Câmara de Caruaru

Uma parede de vidro instalada na Câmara Municipal de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, provocou polêmica entre os vereadores e a população. O equipamento foi instalado entre o plenário da Câmara e as galerias. O investimento foi de R$ 4 mil.

Vereador Daniel Finizola não concordou com instalação do vidro
Foto: reprodução/Instagram

De acordo com o presidente da Casa, Lula Tôrres (PDT), os vidros foram instalados para dar segurança aos parlamentares. Segundo ele, já havia uma estrutura de mármore separando o plenário das galerias e o vidro aproveitou a parede que já existia.

"O segurança da Casa fica na área externa da entrada da Câmara. É difícil ele controlar todas as pessoas que entram aqui na nossa Casa. Entram pessoas para resolver problemas e também já entraram pessoas aqui que já pegamos levando um computador. Portanto, a gente precisa ter este controle", explica o presidente.

Vereador de oposição, Daniel Finizola (PT) não concordou com a instalação do vidro e protestou nas redes sociais. "A casa é do povo! Mas agora há um enorme vidro que separa o povo dos seus representantes. Uma estrutura física que diz muito sobre a falta de sintonia dos políticos com o atual momento que estamos vivendo no país", escreveu.

Mais Lidas