Violência

Suspeitos de duplo homicídio são presos em Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 11/12/2017 às 10:23
NOTÍCIA
Leitura:

Crime aconteceu no bairro do Cedro, na última sexta-feira (8)
Foto: reprodução/TV Jornal

Dois suspeitos de cometerem um duplo homicídio foram presos na madrugada do último sábado (9) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. William Gutemberg Bezerra Santos, 24 anos, e Joselito Pablo Freire da Silva, 26, foram localizados nas residências deles.

De acordo com a Polícia Militar, o primeiro homem, Joselito Pablo, foi encontrado no bairro das Rendeiras. Ele confessou o crime e disse que contou com o apoio do outro homem. A polícia localizou o segundo suspeito na Vila Feliz. Na residência dele, a arma utilizada no crime, um revólver calibre 38, foi encontrada. A arma estava com cinco munições intactas e uma pinada.

No local, a PM também achou 550 gramas de maconha prensada e uma bolsa plástica com aproximadamente um quilo de maconha pronta para o consumo, R$ 3.615 em espécie e uma balança de precisão. Os dois suspeitos foram levados para a Delegacia de Plantão, autuados em flagrante pelos crimes e levados para a Penitenciária Juiz Plácido de Souza (PJPS).

Entenda o caso

O duplo homicídio aconteceu na última sexta-feira (8) no bairro do Cedro. De acordo com o delegado Sérgio Moura, o crime aconteceu por causa de uma discussão de trânsito. Segundo relatos, Joselito Pablo teria parado na rua para conversar com uma pessoa que envolveu-se em um acidente, conhecida dele.

Uma das vítimas do duplo homicídio, identificada como Bruno Bispo Pereira, 29 anos, teria intervido na conversa. Pablo disse à polícia que, durante a discussão, Bruno teria desferido dois tapas nele. Após a discussão, Pablo entrou em contato com o amigo William e os dois voltaram ao local armados.

William teria sido o autor dos disparos que atingiram Bruno e Daniel da Silva Pereira, 43 anos, que estava em um bar e saiu para ver o que estava acontecendo, quando foi atingido por uma bala perdida. As vítimas foram levadas para o Hospital Regional do Agreste (HRA), mas não resistiram aos ferimentos e faleceram. O caso será investigado.

Mais Lidas