Alta médica

Homem com suspeita de febre amarela recebe alta

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 26/01/2018 às 10:52
NOTÍCIA
Leitura:

Homem de 45 anos estava internado no Hospital Oswaldo Cruz, no Recife.
Foto: Edmar Melo/JC Imagem

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou que o homem de 45 que estava internado no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), no Recife, recebeu alta nesta quinta-feira (25).

Na unidade, o paciente foi avaliado pela equipe médica, que coletou material laboratorial. O caso será investigado tanto para febre amarela quanto para outras doenças que provocam esses sintomas, como hepatites, dengue e leptospirose. O paciente, que já apresenta quadro estável, recebeu alta médica.

A secretaria ainda informou que a filha do paciente, de cinco anos, já está com o quadro estável. Por também ter apresentado sintomas suspeitos e não ser vacinada, a menina também foi notificada como paciente suspeito. As amostras de ambos serão enviadas para um laboratório de referência nacional. 

A equipe técnica da SES esteve em Bezerros na quinta (25) fazendo a investigação dos casos e para apoiar as ações de vigilância do município.

Entenda o caso 

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) esteve investigando dois casos suspeitos de febre amarela em Bezerros, no Agreste de Pernambuco. As notificações foram feitas na noite de quarta-feira (24). Os pacientes foram um homem de 45 anos e a filha dele, de cinco anos. Os dois passaram o período de festas de fim de ano em Mairiporã, em São Paulo, área com ocorrência da doença. A família voltou em 4 de janeiro e pai e filha apresentaram sintomas como febre, vômito e dores abdominais. De acordo com a SES, o paciente não é vacinado para febre amarela e apresentou alterações hepáticas, mas não teve alteração renal ou hemorragia. O homem foi atendido na manhã desta quinta-feira (25) no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HOUC), no Recife. A criança também apresentou os sintomas, no mesmo período do pai.

Mais Lidas