Investigação

Laudo preliminar indica traumatismo craniano no idoso que supostamente foi morto pelo filho

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 06/02/2018 às 14:54
NOTÍCIA
Leitura:

Sepultamento aconteceu nesta terça-feira. Familiares e amigos prestaram a última homenagem.
Foto: Reprodução/TV Jornal

A Polícia Civil investiga a morte do idoso que morreu na madrugada desta segunda-feira (5), quando estava sendo transferido de um hospital particular da cidade para uma unidade de saúde no Recife. A informação veiculada nas redes sociais foi de que o idoso teria sido agredido pelo próprio filho durante uma discussão, o que teria provocado a morte. Porém, o advogado da família, Elmo Monteiro, contesta a versão e afirma que o idoso teria caído e sofrido uma pancada na cabeça. O caso foi registrado como morte a esclarecer.

O laudo preliminar do IML indicou que houve traumatismo craniano. O laudo conclusivo que vai determinar a causa da morte, será divulgado em dez dias. Na manhã desta terça-feira (06) aconteceu o sepultamento do idoso.

Veja na reportagem exibida no "Povo na TV", da TV Jornal Interior:

Mais Lidas