Esclarecimentos

Após reunião para discutir empréstimo de R$ 83 milhões, Prefeitura de Caruaru deverá apresentar documentos solicitados

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 06/04/2018 às 15:38
NOTÍCIA
Leitura:

Reunião aconteceu nesta sexta-feira (06) em Caruaru.
Foto: reprodução/TV Jornal

O Ministério Público Federal (MPF) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, promoveu um reunião, nesta sexta-feira (06), onde foram discutidas possíveis irregularidades em operação de crédito entre a Caixa Econômica Federal e a prefeitura do município. A reunião foi uma das providências tomadas após instauração, pelo procurador da República Luiz Antonio Miranda Amorim Silva, de inquérito civil público para apurar o assunto.

As informações sobre a operação de crédito foram repassadas pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE), que também instaurou inquérito civil para investigar o caso. O MPPE apura a autorização, por lei municipal, de celebração de contrato de empréstimo com a Caixa, no montante de quase R$ 84 milhões.

Após esclarecimentos, ficou decidido que a Prefeitura de Caruaru e a Caixa Econômica Federal em Caruaru deverão apresentar documentos solicitados.

Para a reunião, foram convocados: Prefeitura de Caruaru, Caixa Econômica Federal em Caruaru, MPPE, Ministério Público de Contas do Estado de Pernambuco, Tribunal de Contas da União e Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco.

Mais Lidas