Investigação

Justiça decreta prisão preventiva da mãe e padrasto de menino que morreu após ser estuprado em Bezerros

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 12/04/2018 às 9:42
NOTÍCIA
Leitura:

Suspeito negou ter cometido o crime.
Foto: reprodução/TV Jornal

Um menino de um ano e seis meses morreu após ter sido estuprado, em Bezerros, no Agreste de Pernambuco, na terça-feira (10). O padrasto é o principal suspeito. Nesta quarta-feira (11), o suspeito e a mãe do garoto foram detidos e passaram por audiência de custódia no Fórum de Caruaru, no Agreste.

De acordo com o Juíz Marupiraja Ribas, que auxilio o Juíz titular da audiência de custódia, o suspeito negou ter cometido o crime.

O caso

De acordo com o delegado de Polícia Civil, Humberto Pimentel, a criança foi levado para a Unidade Mista São José e, após exames, houve a suspeita do abuso sexual pelos médicos, que acionaram a polícia.

Ainda segundo o delegado, o padrasto e a mãe da criança foram levados à Delegacia de Polícia Civil para prestarem depoimento. O padastro é suspeito pelo crime. O delegado informou ainda que a mãe do menino negou o abuso sexual, e estaria se relacionando com o companheiro há 15 dias. O corpo do menino foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru, também no Agreste.

Veja na reportagem exibida no "TV Jornal Notícias", da TV Jornal Interior:

Mais Lidas