Prisão preventiva

Três homens de uma mesma família suspeitos de estuprar uma adolescente de 13 anos, em Bom Conselho, vão responder pelo crime

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 25/04/2018 às 14:22
NOTÍCIA
Leitura:

Caso aconteceu em distrito da cidade. Avô, tio e o primo da menor vão responder por estupro de vulnerável.
Foto: reprodução/TV Jornal

Três homens de uma mesma família foram presos suspeitos de estuprar uma adolescente de 13 anos, em Bom Conselho, no Agreste de Pernambuco, nesta terça-feira (24). A avó paterna da vítima denunciou à polícia que a neta era abusada sexualmente há 3 anos pelo avô, pelo tio e primo, todos moravam na mesma casa.

O primeiro a começar os abusos foi o avô que dopava a esposa durante a noite para que ela não percebesse. Mas a menina acabou contando a avó que para tentar ajudar a garota, pediu ajuda ao filho, mas para a surpresa dela, ele também passou a estuprar a sobrinha e quando o filho dele tomou conhecimento do crime, se tornou mais um praticante do ato.

Para proteger a menina, a avó a mantinha sempre trancada dentro de um quart. Ela só não denunciou antes, porque as duas eram constantemente ameaças de morte por eles, mas criou coragem e foi até a delegacia com a neta que contou em detalhes tudo que acontecia, foi feito um exame sexologico que confirmou os abusos, os vizinhos e toda a comunidade ficaram chocados, eles dizem que a menina nunca era vista na rua, apenas quando fazia o caminho da escola.

Depois da confirmação dos abusos, foi expedida a prisão preventiva dos três, que ao serem interrogados, acabaram confessando o crime e em seguida foram encaminhados para a cadeia pública de Bom Conselho e vão responder por estupro de vulnerável.

A menina, que inclusive tem problemas mentais, vai continuar sob os cuidados da avó paterna, por quem é criada desde pequena e vai receber agora o acompanhamento do Conselho Tutelar, e de psicólogos da Secretaria de Assistência Social da cidade.

Veja na reportagem exibida no "Por Dentro", da TV Jornal Interior:

Mais Lidas