Cultura

Vereador de Caruaru propõe São João sem músicas que desvalorizem a mulher

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 09/05/2018 às 10:11
NOTÍCIA
Leitura:

Proposta é que São João de Caruaru não tenha músicas ofensivas
Foto: divulgação/Prefeitura de Caruaru

O presidente da Câmara de Vereadores de Caruaru, Lula Tôrres (PSDB) propôs um requerimento que solicita que os artistas contratados para tocar no São João da cidade não executem músicas, danças ou coreografias que incentivem a violência contra as mulheres, homofobia, discriminação racial ou apologia ao uso de drogas ilícitas. A solicitação prevê ainda multa para os artistas que descumprirem a decisão.

De acordo com o vereador, a medida é necessária para a festa. "Não podemos admitir que tais canções reproduzam machismo, homofobia, misoginia ou racismo no São João de Caruaru, que é uma festa tão bela, tão rica em cultura e que recebe milhares de pessoas nos dias de shows", afirmou, através da assessoria de imprensa.

Presidente da Câmara, Lula Tôrres, fez a proposta
Foto: divulgação/Câmara de Vereadores

Direcionado à presidente da Fundação de Cultura e Turismo, Maria Alves, e à prefeita Raquel Lyra, o requerimento foi apresentado na Câmara nessa terça-feira (8) e deve ser aprovado na próxima quinta (10). Como o requerimento ainda não foi votado, não chegou à Prefeitura de Caruaru.

Mais Lidas