Crime

Casa clandestina de fogos é fechada pela polícia em Buíque

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 14/05/2018 às 8:33
NOTÍCIA
Leitura:

Caso aconteceu no município de Buíque, no Agreste
Foto: divulgação

Uma casa que fabricava fogos de artifício ilegalmente foi fechada durante o fim de semana no município de Buíque, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, os policiais receberam denúncias e seguiram até o endereço. Chegando lá, encontraram dois adolescentes de 17 e 15 anos com duas motocicletas sem documentação, além de quatro espingardas artesanais, uma pequena quantidade de pólvora, chumbo e espoleta. A casa ilegal de fogos ficava no bairro São José.

Na residência foram encontrados 4.512 bombas; 67 caixas de fogos 12/1; uma girândola; uma caixa de fogos meteoros; 3.434 chuvinhas; 51 apitos; 72 chuveirinhos; duas caixas de velas magnesianas; cinco caixas de bolinha Crakling; 144 buscapés; quatro quilos de alumínio em pó; sete quilos de pavil para bombas; 10 mil unidades de traque de sala; 4,5 mil traques; um rolo de barbante de seda; 12 quilos de pecolurato; três quilos de enxofre; 300 corpos de bombas com pólvora; seis unidades de "vulcão"; 90 traques malucos; 110 chuvinhas de prata; 1,4 mil cobrinhas e 24 abelhinhas.

O material apreendido foi levado para a delegacia municipal de Arcoverde, onde o responsável pela casa de fogos foi autuado em flagrante e liberado após pagar fiança. Os adolescentes irão responder a um boletim de ocorrência circunstanciado.

Mais Lidas