Saúde

Vacinação contra sarampo e poliomielite começa nesta segunda em Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 06/08/2018 às 11:42
NOTÍCIA
Leitura:

Meta do Ministério da Saúde é vacinar ao menos 95% das crianças
Foto: divulgação

As 62 unidades de saúde da família de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, estão disponíveis para aplicar a vacina contra sarampo e poliomielite no público-alvo das zonas urbana e rural. A Campanha Nacional de Vacinação contra as doenças começou nesta segunda-feira (6) e segue até o dia 31 de agosto. O público-alvo são as crianças com idade de 12 meses a menores de cinco anos.

A meta do Ministério da Saúde é vacinar ao menos 95% das crianças desta faixa etária. Para vacinar os pequenos, os pais ou responsáveis devem levar o cartão de vacina das crianças para que o profissional de saúde faça a avaliação. O Dia D da Campanha será em 18 de agosto, quando todas as Unidades de Saúde funcionarão das 8h às 17h.

O sarampo e a poliomielite (paralisia infantil) são doenças graves e infecciosas que podem ser prevenidas através da vacina. Em 2016, o Brasil havia recebido da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) o certificado de eliminação da circulação do vírus do sarampo. Porém, este ano, o País enfrenta um surto registrado no Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso, Rondônia e Amazonas, devido à imigração de venezuelanos. Já a pólio teve seu último caso registrado em 1989.

Esquema vacinal

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a vacinação é a melhor maneira de proteger as crianças contra as doenças. O esquema vacinal para poliomielite é composto por três doses da vacina administradas aos 2, 4 e 6 meses, sendo necessários dois reforços aos 15 meses e aos 4 anos de idade. Já a imunização contra o sarampo é feita por meio da vacina tríplice viral, que protege também contra rubéola e caxumba. O esquema vacinal é de uma dose aos 12 meses, com um reforço aos 15 meses.

Mais Lidas