Esporte

Após um princípio de confusão, Asec não entra em quadra durante partida no Campeonato Pernambucano de Futsal

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 12/12/2018 às 10:51
NOTÍCIA
Leitura:

Confusão envolveu atraso da partida
Foto: Divulgação

À Associação Esportiva Caruaru (Asec) não entrou em quadra para jogar a segunda partida da final do Campeonato Pernambucano de Futsal, após um princípio de confusão, nessa terça-feira (11). De acordo com a assessoria, o duelo seria contra a equipe de Tamandaré, fora de casa.

Porém, com a confusão os responsáveis pela Asec decidiram que os atletas não teriam condições psicológicas e emocionais para entrarem em quadra. Ainda segundo a assessoria, além de toda pressão física da torcida da casa, um vestiário não foi oferecido para o time caruaruense. A assessoria afirmou ainda que isso teria sido uma tentativa de retardar o início do jogo, para que o presidente da Federação Pernambucana, que estava no evento de premiação do Pódio Pernambuco, com um atleta e o técnico de Tamandaré chegassem ao jogo

Retirada da quadra 

Foi após esse momento que o time da Asec se retirou de quadra às 21h18 e a entidade maior do futsal declarou a derrota da equipe por WO. A assessoria ainda informou que, não é a primeira vez que um episódio como esse acontece. Na segunda partida da final do Estadual do ano passado, entre ambas as equipes, a partida foi suspensa pelo mesmo motivo. 

A Asec venceu o primeiro jogo da final, por 3 a 2, e só precisaria de um empate para conquistar o título do PE 2018. A comissão técnica, atletas e membros da Associação Esportiva Caruaru lamentam profundamente pelo ocorrido e esperam que uma decisão coerente seja tomada pela Federação Pernambucana de Futsal, conforme informou a assessoria. 

Mais Lidas