Críticas

José Queiroz sobre Raquel Lyra: "O município não pode andar a passos de cágado"

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 20/12/2018 às 12:11
NOTÍCIA
Leitura:

José Queiroz criticou gestão da prefeita Raquel Lyra
Foto: divulgação

O deputado estadual eleito José Queiroz (PDT) esteve na manhã desta quinta-feira (20) na Rádio Jornal Caruaru, no Agreste de Pernambuco, e fez duras críticas à gestão da prefeita Raquel Lyra (PSDB). "Quando eu digo que a prefeita é 'fraquinha, fraquinha', é porque ela é", disparou.

José Queiroz criticou a lentidão da obra do Canal dos Mocós, que contou com recursos de emenda parlamentar do deputado federal Wolney Queiroz (PDT). "Tá parado. Caruaru não merece isso", lamentou.

O deputado eleito citou ainda o atraso na obra de asfalto da estrada do Juá e outras localidades rurais e o abandono da obra da Avenida da Nova Caruaru. "Se ela tivesse competência, as coisas estavam andando a galope e José Queiroz não podia falar nada", criticou. "O município não pode andar a passos de cágado".

Questionado se fazia parte de um plano para isolar a prefeita politicamente junto com o governador Paulo Câmara (PSB), Queiroz afirmou que "o isolamento é dela como administradora".

O deputado estadual eleito e o filho, o deputado federal reeleito Wolney Queiroz (PDT), ficaram ressentidos com a prefeita por não ter apoiado os dois na campanha deste ano. Segundo eles, Raquel seria ingrata, já que os Queiroz a apoiaram na disputa para a prefeitura, dois anos antes.

Sobre uma possível aliança com o deputado estadual Tony Gel (PMDB) em 2020, opositor histórico do grupo de Queiroz no âmbito municipal, José Queiroz afirmou que há uma relação muito boa entre eles: "Nós somos a base do governo Paulo Câmara".

Ouça a íntegra da entrevista:

Mais Lidas