2ª instância

Neguinho Teixeira deverá ser julgado novamente na quarta-feira

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 04/02/2019 às 11:46
NOTÍCIA
Leitura:

Neguinho Teixeira é ex-prefeito e ex-vereador de Caruaru

O ex-prefeito de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, Manoel Teixeira de Lima, conhecido como Neguinho Teixeira, deverá ser julgado em 2ª instância na próxima quarta-feira (6). Em agosto de 2013, Neguinho foi condenado em primeira instância neste processo a 21 anos, um mês e 22 dias de prisão, por peculato e coação no curso do processo. A sentença foi proferida pelo juiz da 3ª Vara Criminal da Comarca de Caruaru, Gleydson Gleber.

Segundo a denúncia do Ministério Público, Neguinho Teixeira apropriou-se de dinheiro público, em contratos que vigoraram em 2007, quando ele era presidente da Câmara de Vereadores de Caruaru. Ele também teria ameaçado uma testemunha. De acordo com o advogado de Neguinho, Elmo Monteiro, o processo é moroso por causa da complexidade das provas.

Em entrevista à Rádio Jornal Caruaru, o advogado disse ainda que solicitou o adiamento do julgamento para a próxima semana, já que ele tem outras audiências marcadas para o mesmo período.

De acordo com o advogado, dos 11 processos que respondia, Neguinho foi absolvido em oito deles. Os outros dois que faltam ser julgados são um envolvendo o também ex-prefeito e atual deputado estadual Tony Gel (MDB) durante a gestão municipal e outro envolvendo uma aquisição de um veículo para a Câmara por meio de dispensa de licitação.

Ouça a entrevista completa:

Mais Lidas