Serviço

Audiência pública discute Disque Denúncia Agreste em Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 20/02/2019 às 10:42
NOTÍCIA
Leitura:

Reunião é realizada na manhã desta quarta-feira na Câmara Municipal
Foto: Vladimir Barreto Rodrigues/divulgação/Câmara de Caruaru

Uma audiência pública para debater a situação do Disque Denúncia é realizada na manhã desta quarta-feira (20) na Câmara Municipal de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O serviço que colabora para a segurança da região passa por dificuldades financeiras e corre o risco de fechar.

Proposto pelo vereador Rozael do Divinópolis, o encontro tem como convidados os deputados estaduais Tony Gel, Delegado Lessa e José Queiroz, que representam a cidade na Assembleia Legislativa, além de representantes da prefeitura e membros da sociedade civil.

Em mais de 15 anos, o Disque Denúncia fez mais de 500 mil atendimentos. A marca de mais de 100 registros por dia o consolida como serviço de referência no combate à criminalidade no Estado. Entre os casos mais informados ao serviço estão tráfico de drogas, perturbação do sossego e violência doméstica envolvendo idosos, mulheres e crianças.

Números

Nos últimos anos, o Disque Denúncia Agreste colaborou em 1,2 mil prisões, apreensão de 2,1 mil armas de fogo, 400 quilos de drogas, 160 mil pés de maconha, 15 toneladas de explosivos e encontro de 33 pessoas desaparecidas.

Mais Lidas