Desfecho

Segundo suspeito de matar segurança na Má Fama é preso

Ele tem 18 anos e foi preso durante operação policial

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 13/03/2019 às 15:17
NOTÍCIA
Leitura:
Segurança Jean Carlos Pereira da Silva, 34 anos, foi morto em frente à boate em que trabalhava na Rua da Má Fama
Foto: reprodução/TV Jornal Interior

O segundo suspeito de envolvimento na morte do segurança de uma boate na Rua Silvino Macêdo (Rua da Má Fama), em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, foi preso no início da tarde desta quarta-feira (13), logo após uma coletiva de imprensa realizada pela Polícia Civil sobre o caso. Ele foi identificado como Lucas da Silva, 18 anos. O segurança Jean Carlos Pereira da Silva, 34 anos, foi morto em frente ao estabelecimento na madrugada de 2 de fevereiro deste ano.

 

O primeiro suspeito de cometer o crime, Jonas Félix Alves, 23 anos, foi preso dentro da 2ª fase da intervenção tática Noturnos. Na primeira fase, foram presos os suspeitos de matar, também na Má Fama, o garçom Renan da Silva Melo, 25, em 28 de outubro de 2018

De acordo com o delegado Anderson Liberato, responsável pelas investigações, os jovens chegaram na boate por volta das 22h30 com outros dois amigos; deixaram o estabelecimento às 3h30 e voltaram às 3h50 para cometer o crime.

No dia seguinte ao homicídio, um jovem que também estava na boate apresentou-se na delegacia e chegou a preso por meio de mandado de prisão temporária, mas foi liberado menos de uma semana depois, pois a participação dele foi descartada.

A principal linha de investigação da polícia é que o segurança teria sido morto depois de expulsar algumas pessoas da boate depois de uma briga registrada no estabelecimento. Imagens de câmeras de segurança foram colhidas e utilizadas nas investigações.

Mais Lidas