FLORESTA

Homem mata professor para roubá-lo e leva seu dedo para usar em banco

Giliard
Giliard
Publicado em 15/04/2019 às 11:40
NOTÍCIA
Leitura:

Foto: Divulgação / Polícia Civil

Um homem foi preso em Floresta, no Sertão de Pernambuco, suspeito de matar professor para roubá-lo. O suspeito ainda teria decepado o dedo da vítima para fazer biometria em banco e realizar saques na conta dele. Segundo a polícia, Ozair de Lima Mandu matou o professor de matemática João José de Souza, no dia 7 de março deste ano.

O suspeito realizou compras com o cartão de crédito da vítima. Ainda de acordo com a polícia, Ozair assumiu o crime e contou detalhes. Ele trabalhava em uma creche em frente à casa do professor e, durante conversas, descobriu que a vítima tinha bens valiosos.

O professor teria convidado o suspeito para sua casa, com intuito de se relacionarem amorosamente, e acabou sendo assassinado a facadas. Após o crime, o autor fugiu levando R$ 3,2 mil em espécie, cartões bancários, notebook, celular e dois receptores de TV a cabo.

Mais Lidas