Facheiro II

Operação da Polícia Federal destrói 271 mil pés de maconha

Giliard
Giliard
Publicado em 02/05/2019 às 7:23
NOTÍCIA
Leitura:

Caso colhido e processado, o plantio se transformaria em 90 toneladas da droga
Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal, (PF), finalizou na última quarta-feira (1) a operação de erradicação e destruíção de plantios de maconha, Facheiro II. Durante a ação, 271 mil pés de maconha, 104 plantios e 350 mil mudas da planta foram destruídas.

A operação contou com um efetivo de mais de 40 policiais, entre federais, civis e militares e também policiais paraguaios da Secretaria Nacional Antidrogas (SENAD). Incursões terrestres, aéreas e fluviais foram realizadas.

Os plantios foram localizados em algumas cidades pernambucanas da região do rio São Francisco, como Orocó, Cabrobó, Belém do São Francisco e Santa Maria da Boa Vista, bem como em áreas de caatinga em Salgueiro, Carnaubeira da Penha, Serra Talhada, Betânia, Parnamirim, Ibó e Floresta.

Durante a operação, incursões terrestres, aéreas e fluviais foram realizadas.
Foto: Divulgação/PF

De acordo com a PF, caso fossem colhidos, prensados e colocados no mercado, os 271 mil pés de maconha poderiam se tornar até 90 toneladas de droga. O ciclo produtivo da cannabis, planta que produz a droga, é acompanhado de perto por políciais federais para evitar a introdução do produto no mercado.

Prisões

Durante a operação Facheiro II, dois homens foram presos. João Batista da Silva, 42, e Daniel Manoel Lopes da Silva, 30. Ambos eram reincidentes por tráfico de drogas.

Com os suspeitos, a Polícia apreendeu uma pistola calibre 380 com 14 munições intactas, um revólver calibre 30 com 20 munições intactas, 8kg de maconha pronta e 2kg de semente da planta.

Mais Lidas