Dia das mães

Vote nas histórias do Concurso "Minha Mãe, Minha Rainha"

Giliard
Giliard
Publicado em 06/05/2019 às 14:19
NOTÍCIA
Leitura:

A grande vencedora, além de ter a sua história contada na telinha da TV Jornal, vai ganhar um dia de beleza.
Foto: Divulgação

O dia das mães está chegando e para homenageá-las da maneira que elas merecem, a TV Jornal lança a campanha "Minha Mãe, Minha Rainha".

Através de inscrições realizadas durante a última semana, selecionamos 10 histórias de mulheres que guerreiras que merecem o título de rainhas, ou melhor, de mães. A grande vencedora, além de ter a sua história contada na telinha da TV Jornal, vai ganhar um dia de beleza.

Divulgaremos o resultado na próxima sexta-feira (10), no programa "O Povo na TV", da TV Jornal Interior.

Vote na sua história favorita!

Andreza Loplo da Silva

Andreza luta para dar o melhor para os seus filhos, nunca parando um só segundo. Sempre em busca do melhor. Seu filho de 10 anos, a define como" "Uma mulher batalhadeira".

Cicera Soares de Oliveira

"Uma Guerreira", é como a filha, Eliane, define a sua mãe. Em 2012, Cicera sofreu um acidente e ficou com diversos traumas; O maior deles sendo a perda da perna direita. Eliane revela que por um momento achou que fosse perder a sua mãe, mas o instinto de guerreira falou mais alto e ela sobreviveu.

Claudia Guedes da Silva

Aos 14 anos, Claudia perdeu o pai e passou por diversas dificuldades financeiras, chegando a quase passar fome. Com o pouco que tinha, soube erguer a cabeça e manter a fé, trabalhando muito para dar um futuro melhor aos filhos. No entanto, todo esse trabalho não evitou que ela sempre cumprisse o seu papel de mãe, dando atenção, carinho e amor.

Eronildes Izabel Silva dos Santos

Dedicação ao próximo e vontade de lutar é o que definem Eronildes. Uma senhora que nunca para de lutar pelas pessoas. Para ela, não tem tempo ruim.

Ileide Ferreira dos Santos

Mãe de sete filhos, Ileide é vista pelos filhos como uma lutadora. De vida simples, já chegou a passar fome para evitar que faltasse algo para os filhos.

Joseane Gonçalves de Queiroz

Desde que perdeu o marido para um infarto, Joseane esqueceu-se de si mesma. Sempre cuidando dos familiares, nunca encontra tempo para relaxar.

Maria Betânia Batista Mendonça

Maria Betânia nunca teve uma festa de aniversário. Segundo os filhos, ela trabalha incansavelmente em um salão de beleza, buscando sempre dar o melhor de si.

Maria Zilda Tenório da Silva

Maria Zilda foi abandonada pelo marido com os filhos pequenos sem trabalhar. Vendo-se sozinha, ela prestou concurso público para uma cargo de serviços gerais e cursou enfermagem. Segundo os filhos, ela lutava com os livros todos os dias. Maria Zilda não desistiu e conseguiu criar sozinha 5 crianças.

Quitéria Maria da Silva

Empregada doméstica, mãe e cuidadora. É assim que Quitéria é definida. Sempre disponível para ajudar os outros, muitas vezes esquece de si.

Tereza Maria Barbosa da Silva

Mãe solo, Tereza cuidou de oito filhos sem medir esforços; Trabalhou em casa de família e fez o que pode para dar o melhor a eles, mas perdeu a visão devido ao Glaucoma. Segundo os filhos, esqueceu-se de si mesma. Hoje com 69 anos e algumas limitações, Tereza ainda cuida dos netos.

Mais Lidas