Reunião

Bolsonaro reforça importância da Reforma da Previdência para obras no Nordeste

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 22/05/2019 às 11:21
NOTÍCIA
Leitura:

Jair Bolsonaro (PSL) se reuniu com parlamentares do Nordeste nesta quarta-feira
Foto: arquivo/Agência Brasil

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), reforçou a importância da aprovação da Reforma da Previdência para a realização de investimentos e obras na região do Nordeste, em reunião realizada no Palácio do Planalto na manhã desta quarta-feira (22) com a bancada do Nordeste no Congresso, de acordo com o líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

"O presidente disse isso na manhã de hoje, da confiança dele que com a aprovação das reformas que estão colocadas no Congresso Nacional que o País possa fazer uma inflexão e dar a oportunidade de ele de iniciar um rigoroso programa de obras públicas, sobretudo na região mais pobre que é o Nordeste", contou Fernando Bezerra Coelho, em entrevista à Rádio Jornal Caruaru.

A reunião durou cerca de duas horas e contou com a presença de mais de 100 deputados federais e senadores de vários estados da região. A bancada é presidida pelo deputado federal Júlio César (PSD-PI). Entre os temas debatidos na reunião estiveram a visita que o presidente fará a Pernambuco na próxima sexta-feira (24), cobranças dos parlamentares sobre obras nos respectivos estados e a reforma da Previdência.

Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) é líder do Governo no Senado
Foto: Agência Senado

De acordo com Coelho, os parlamentares cobraram prioridade sobre obras como a Transnordestina, a Transposição do Rio São Francisco, adutoras, barragens, infraestrutura aérea e portuária, dinamização do Minha Casa Minha Vida, entre outros. Por fim, o presidente deixou uma mensagem de esperança, otimismo e confiança de que vai superar "os graves desafios que o Brasil enfrenta".

Parlamentares que fazem oposição política ferrenha ao governo não estiveram presentes. Entre os pernambucanos estavam os deputados Jarbas Vasconcelos (MDB), Raul Henry (MDB), Felipe Carreras (PSB), entre outros. Perguntado sobre se houve discussões sobre emendas parlamentares, FBC afirmou que não. "As pessoas querem criminalizar a política. Qual é o papel do parlamentar? Levar dinheiro para os seus municípios, para os seus estados. Uma das responsabilidades do parlamentar é viabilizar junto ao poder Executivo no sentido que suas regiões sejam contempladas. Muitos procuram enxergar nisso como se fosse uma atividade estranha, uma atividade sujeita a crítica. Quem não leva dinheiro para a sua população não é bem visto", retrucou.

Ouça a íntegra da entrevista com Fernando Bezerra Coelho:

Visita de Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro decidiu fazer uma ofensiva em território quase todo comandado por governadores da oposição. Esta será a primeira viagem oficial ao Nordeste, para entregar casas populares e anunciar mais verbas para obras de infraestrutura. O roteiro tomará toda a sexta-feira (24). Em Petrolina (PE), Bolsonaro vai entregar um conjunto habitacional do programa Minha Casa Minha Vida. Em Recife (PE), deverá anunciar um acréscimo de R$ 2,1 bilhões ao Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste, a ser usado em obras de infraestrutura. Ao todo, o fundo passará a ter R$ 25,8 bilhões em 2019.

Oficialmente, a viagem marcará o lançamento do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), elaborado pela primeira vez, no âmbito da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). O presidente vai se reunir, no Instituto Ricardo Brennand, complexo cultural da capital pernambucana, com 11 governadores. Todos da região confirmaram presença - Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. Além deles, irão os governadores de Minas Gerais e Espírito Santo, abrangendo parte da Sudene. Parlamentares nordestinos, que cobravam a ida do presidente à região, também estão sendo convidados.

Mais Lidas