Operação

Ex-prefeito de Sertânia é preso em operação da Polícia Civil

Além de Guga Lins, foi preso também o ex-secretário de saúde do município

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 04/07/2019 às 10:16
NOTÍCIA
Divulgação
FOTO: Divulgação
Leitura:

O ex-prefeito de Sertânia, no sertão pernambucano, Guga Lins, foi preso durante a operação "Res Publicae", deflagrada pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (4). A investigação, que começou em 2017, tinha o objetivo de desarticular organizações criminosas envolvidas em crimes de sonegação fiscal, lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva, peculato e organização criminosa.

Além do ex-prefeito de Sertânia, o delegado Ubiratan Rocha confirmou a prisão de Antônio Carlos, ex-secretário de saúde do município. No total, durante a operação, foram cumpridos seis mandados de prisão e dez mandados de busca e apreensão.

"Em Sertânia, levantamos informações de desvio de dinheiro público da prefeitura. Foi comprovado o desvio aos cofres públicos, tudo com o objetivo de lesar a sociedade, tanto pela saúde quanto pela educação. Na casa ex-secretário de saúde, Antônio Carlos, foram encontrados euros, arma de fogo, vários indícios de lavagem de dinheiro. E temos provas contundentes do próprio desvio dos repasses da saúde pública do município de Sertânia para sua conta pessoal", contou o delegado.

Guga Lins (PSDB) foi eleito prefeito de Sertânia em 2012, com 10.121 votos, de acordo com informações do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco.

A operação é coordenada pela Diretoria Integrada do Interior e supervisionada pela Chefia da Polícia. As investigações foram assessoradas pela Diretoria de Inteligência da Polícia Civil (DINTEL) e o Laboratório de Lavagem de Dinheiro (LAB).

Mais Lidas