Religião

Rios de Água Viva 2019 será realizado em 25 de agosto em Caruaru

Dom Dino contou detalhes sobre a programação do evento que reúne toda a Diocese

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 01/08/2019 às 10:27
NOTÍCIA
Giovani Gomes/Rádio Jornal Caruaru
FOTO: Giovani Gomes/Rádio Jornal Caruaru
Leitura:

Dom Bernardino Marchió, o Dom Dino, realizou uma coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (1º) em Caruaru, no agreste pernambucano, para falar detalhes sobre a edição deste ano do evento Rios de Água Viva. Durante a coletiva, foi divulgada a data do evento, que será no dia 25 de agosto, às 14h, com a catequese nos cinco pontos de concentração dos "rios".

O Rios de Água Viva é um encontro de toda a Diocese de Caruaru. Este ano, a Diocese será dividida por região pastoral e cada uma delas representará um continente. Há concentrações no Colégio Sagrado Coração, na Paróquia Natividade do Senhor, Paróquia São Francisco, Paróquia do Rosário e na Catedral de Nossa Senhora das Dores.

Programação

Os cinco rios irão em procissão até o Pátio de Eventos Luiz “Lua” Gonzaga, a partir das 15h30. No local, às 16h30, haverá a acolhida com a entrada das bandeiras e estandartes, a procissão do 6º rio, composto por 50 jovens e o 7º rio, composto por 50 homens do Terço. A celebração eucarística está marcada para 17h, e será um momento de agradecimento ao pastoreio de Dom Dino na Diocese de Caruaru. A Festa Missionária começará a partir das 19h, com cantores locais. O encerramento do evento será feito pelo Pe. Joãozinho SCJ. com o Evangeliza Show.

O bispo Dom Dino, que teve seu pedido de renúncia aceito pelo Papa Francisco este ano, falou sobre este ser seu último ano como responsável pelo evento e o desejo de ver o Rios de Água Viva continuar a ser realizado: "Claro que estarei no Rios de Água Viva. (O evento) foi algo que começou comigo em 2013. Este ano vai ser a última vez em que sou o responsável, mas eu posso estar outras vezes. Estou pedindo a Deus que outro bispo e toda diocese continue com este evento extraordinário", contou ele.

Mais Lidas