Saúde

Matadouro público de Taquaritinga do Norte é interditado

Local deve permanecer fechado até que seja cumprido compromissos acertados entre a Prefeitura e o Ministério Público de Pernambuco

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 09/08/2019 às 12:25
NOTÍCIA
Agência Brasil/JC Online
FOTO: Agência Brasil/JC Online
Leitura:

O matadouro público de Taquaritinga do Norte, no agreste pernambucano foi interditado. A medida foi determinada nessa quinta-feira (8) pelo juiz Leonardo Batista Peixoto, da Vara Única de Taquaritinga do Norte.

O local deve permanecer fechado até que seja cumprido os compromissos acertados entre a Prefeitura e o Ministério Público de Pernambuco (MPPE), firmados em um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). O termo foi celebrado em 10 de dezembro do ano de 2007, no curso de um procedimento investigativo instaurado pelo MPPE para apurar irregularidades no matadouro, onde foram confirmadas as más condições higiênico-sanitárias e ambientais.

De acordo com os laudos investigatórios, o matadouro necessitava da presença de um profissional médico veterinário habilitado no município, de plantão, sempre que ocorrer matança de animais, devendo ser realizada a inspeção dos animais antes e depois do abate; controlar o acesso de pessoas ao recinto do estabelecimento, adquirir o devido equipamento de proteção individual para quem trabalha no local, entre outras medidas.

“As conclusões apresentadas pela Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) revelam o alto e elevado risco, com o consequente perigo de contaminação da população que consome tal tipo de carne, podendo contrair doenças graves, infecto-contagiosas, por bactérias, vermes e resíduos de antibióticos e anabolizantes, que podem matar, gerar intolerância ao leite, provocar câncer, tuberculose e alterações hormonais, além de vários outros prejuízos à saúde”, justificou o promotor de Justiça Hugo Gouveia, no texto da ação.

Mais Lidas